Confirmado como reforço do Corinthians após meses de negociação com o Shandong Taishan, da China, o atacante Roger Guedes escolheu uma numeração inusitada no elenco do Alvinegro: 123. Os três dígitos na camisa são raros no futebol brasileiro, mas o atleta deu sua explicação que tem relação com o lateral Fagner e com o dia do nascimento de seu filho.

“Sempre usei a 23, que é o dia que o meu filho nasceu. Como tem o número do Fagner aqui (23), escolhi esse (123). Quero usar essa camisa, é um número diferente e quero fazer história com a camisa do Corinthians”, avisou o reforço do Alvinegro.

Durante o evento de aniversário de 111 anos do Corinthians, o jogador deu algumas palavras, respondeu às perguntas enviadas pelos torcedores e provocou o rival Palmeiras, seu ex-clube, chamando o Alvinegro de ‘maior do Brasil’.

“Quando começaram as negociações muitos torcedores chegaram e interagiram comigo nas redes sociais. Não vejo a hora de sentir a emoção dentro de campo, é o maior do Brasil e não vejo a hora de jogar”, afirmou o dono da camisa 123 do Corinthians.

Como já teve seu nome publicado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e foi integrado ontem (31) ao elenco comandado por Sylvinho, há a possibilidade de Roger Guedes estrear já na próxima terça-feira (7), quando o Alvinegro encara o Juventude, na Neo Química Arena, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.